Avançar para o conteúdo principal

GEORGE S.CLASON - O HOMEM MAIS RICO DA BABILÓNIA

GEORGE S.CLASON - O HOMEM MAIS RICO DA BABILÓNIA
THE RICHEST MAN IN BABYLON

A origem deste livro é uma das mais curiosas, com uma certa aura romântica a envolve-la. George Samuel Clason, o autor, nascido no Luisiana em 1874, teve uma vida longa e rica de experiências. Foi militar, homem de negócios e escritor. Por volta de 1926, lembrou-se de escrever uma série de panfletos informativos sobre como alcançar o sucesso financeiro com parábolas ambientadas na antiga Babilónia, um império indubitavelmente poderoso. Recorrendo a uma linguagem simples e colorida, de sabor bíblico, o autor conta a história de um homem que quis tornar-se rico e conseguiu, sendo mais tarde convidado pelo próprio Rei a ensinar a sua arte. As cinco leis de ouro em que baseava as suas lições são princípios pedagógicos válidos em todos os tempos. Referem-se fundamentalmente à maneira de cuidar do dinheiro que ganhamos, gastá-lo disciplinadamente e saber aplica-lo para que possa gerar mais riqueza. As melhores parábolas de Clason foram compiladas num livro que nunca deixou de ser um grande bestseller, hoje considerado um clássico moderno. Qualquer leitor poderá aprender muito com ele ao apropriar-se dos preciosos segredos que encerra.

editorial presença - 2ª edição, janeiro 2009.


o dinheiro é o meio através do qual se avalia o sucesso da vida

com dinheiro é possível desfrutar do melhor que o mundo tem para nos oferecer

actualmente, o dinheiro é regido pelas mesmas leis que o controlavam quando, há seis mil anos, as ruas da Babilónia estavam apinhadas de homens prósperos.  

  

Comentários

Popular semana

WOLFGANG HILDESHEIMER - AS AVES DO PARAÍSO TAMBÉM SÃO FALSAS

SIMONE DE BEAUVOIR - O SANGUE DOS OUTROS

ANGÉLICA VARANDAS - MITOS E LENDAS CELTAS - IRLANDA

ARNOLD HAUSER - HISTÓRIA SOCIAL DA ARTE E DA LITERATURA

ARMAND MATTELART - HISTÓRIA DA UTOPIA PLANETÁRIA

Popular mês

SIMONE DE BEAUVOIR - O SANGUE DOS OUTROS

WOLFGANG HILDESHEIMER - AS AVES DO PARAÍSO TAMBÉM SÃO FALSAS

ALBERTO MORAVIA - OS INDIFERENTES

ARNOLD HAUSER - HISTÓRIA SOCIAL DA ARTE E DA LITERATURA

PAUL WATZLAWICK - A REALIDADE É REAL?

ANGÉLICA VARANDAS - MITOS E LENDAS CELTAS - IRLANDA

FRANZ KAFKA - CONTOS

JEAN PAUL SARTRE - COM A MORTE NA ALMA

ALFREDO MELA - A SOCIOLOGIA DAS CIDADES

JORGE MOLIST - O ANEL A HERANÇA DO ÚLTIMO TEMPLÁRIO

popular sempre

THOMAS PYNCHON - ARCO-ÍRIS DA GRAVIDADE

ARNOLD HAUSER - HISTÓRIA SOCIAL DA ARTE E DA LITERATURA

SIMONE DE BEAUVOIR - O SANGUE DOS OUTROS

A ERA DOS EXTREMOS - ERIC HOBSBAWM

HENRY MILLER - TRÓPICO DE CÂNCER

MARGUERITE DURAS - OLHOS AZUIS, CABELO PRETO

ROBERTO BOLAÑO - 2666

THÉOPHILE GAUTIER - O ROMANCE DA MÚMIA

ARUNDHATI ROY - O DEUS DAS PEQUENAS COISAS

DIETRICH SCHWANITZ - CULTURA tudo o que é preciso saber