Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Dezembro, 2016

GERALD BENEDICT - AS PROFECIAS MAIAS, 2012 A MENSAGEM E A VISÃO

GERALD BENEDICT - AS PROFECIAS MAIAS, 2012 A MENSAGEM E A VISÃO
THE MAYAN PROPHECIES



Eis aqui vinte e uma previsões, formando um material de trabalho que irá culminar quando o mundo se aproximar do final do seu ciclo de 5.200 anos - anunciando mudanças radicais para a nossa maneira de viver.
Desde " A Profecia da sincronização galáctica" e "A profecia da consciência cósmica" até à "A profecia de transcender a tecnologia" e "A profecia de que nós somos a profecia".
Estas profecias, feitas pelos sacerdotes-astrónomos de uma das mais extraordinárias civilizações do mundo, constituem uma leitura essencial para os nossos tempos - um apelo ao despertar da humanidade.  
circulo de leitores - abril de 2011

Link's: https://www.circuloleitores.pt/


ARTHUR SCHNITZLER - A HISTÓRIA DE UM SONHO

ARTHUR SCHNITZLER - A HISTÓRIA DE UM SONHO
TRAUMNOVELLE, 1926


Um jovem médico e a sua mulher, belos, apaixonados e felizes, ao regressarem de uma festa de máscaras começam a contar episódios - não se sabe se realmente ocorridos ou se fruto da fantasia - que até esse momento não haviam confessado um ao outro. Inicia-se assim para ambos, quase espiral visionária feita de máscaras extremamente inquietantes, de ambientes misteriosos e secretos, de desejos reprimidos que vêm repentinamente à luz, de tensões eróticas enterradas durante muito tempo: uma espiral que atinge o seu auge numa noite em que a verdade das suas pulsões já não pode ser dissimulada, e que por isso mudará profundamente a vida dos esposos. Sigmund Freud havia hesitado durante muito tempo antes de se encontrar com Arthur Schnitzler, devido a uma espécie de "temor do sósia". E com efeito, talvez nenhum outro escritor tenha conseguido representar com tanta evidência e tangibilidade os fantasmas do inconsciente, talv…

Anúncios - antigos

Anúncio publicado em revistas no ano de 1997. Advertisement in magazines year 1997

DANIEL ESTULIN - CLUBE BILDERBERG

DANIEL ESTULIN - CLUBE BILDERBERG
Os Senhores do Mundo
The Road to Tyranny: Total Enslavement

Imagine um clube onde presidentes, primeiros-ministros e banqueiros internacionais convivem, onde a realeza presente garante que todos se entendem, onde as pessoas que determinam as guerras, controlam os mercados e impõem as suas regras a todo mundo dizem o que nunca ousariam dizer em público. Pois este clube existe mesmo e tem um nome.
Ao longo dos últimos cinquenta anos, um grupo seleccionado de políticos, empresários, banqueiros e outros poderosos tem-se reunido em segredo para tomar as grandes decisões que afectam o mundo. Se quiser saber quem mexe os cordelinhos nos bastidores dos organismos internacionais conhecidos, não hesite: leia este livro.
Não temendo pôr em risco a própria vida, Daniel Estulin foi a única pessoa a conseguir romper o muro de silêncio que protege as reuniões do clube mais exclusivo e perigoso da história.
Fique a saber : - Porque se reúnem os cem mais poderosos do mundo…

THÉOPHILE GAUTIER - O ROMANCE DA MÚMIA

THÉOPHILE GAUTIER - O ROMANCE DA MÚMIA
LE ROMAN DE LA MOMIE


É no seu regresso da Etiópia, que o faraó se confronta com a filha do grande sacerdote, por quem se deslumbra.
Ele, que retorna coberto de glória, ele que nada mais tem a desejar do mundo, rei, quase deus, sente-se subitamente escravo daquela jovem egípcia. Mas Tahoser, prodígio da beleza e da graça, apaixona-se por um jovem de olhos negros. Também ela não hesita em despojar-se de todo o esplendor para conquistar o coração de Poeri, o exilado, o hebreu.
Esta é a improvável história de amor que um jovem lorde inglês descobre, no papiro de um túmulo inviolado, no Vale dos Reis.

Ali jaz, ainda transparecendo vida, uma jovem mulher, morta há mais de trinta séculos.
círculo de leitores - novembro de 1981



Mensagens populares deste blogue

ARNOLD HAUSER - HISTÓRIA SOCIAL DA ARTE E DA LITERATURA

"Uma obra marcante, cuja riqueza quantitativa e qualitativa pode ser apenas sugerida em uma resenha. O contexto temporal é extraordinariamente amplo... O valor da obra consiste principalmente no fato de que Hauser, fundamentando em um conhecimento preciso de fontes e literatura especializada, reúne resultados excepcionalmente claros da sociologia da arte, da música e da literatura. Com isso, ao lado de uma riqueza de investigação sociológica não específica, são avaliadas as importantes escolas da sociologia burguesa europeia e americana, de Taine, Max Weber, Dilthey, Troeltseh, Simmel, Sombart, Veblen até Karl Mannheim, Levin Schueking e outros críticos. Hauser, além desses pesquisadores burgueses, examina também Marx, Engels, Mehring, Kautsky, Lenin e Georg Lukács e une as descobertas destes às suas próprias observações, dando mostras, assim, de sua imparcialidade. ... Deve-se desejar que sociólogos, assim como historiadores de todas as tendências, estudem cuidadosamente este livr…

SIMONE DE BEAUVOIR - O SANGUE DOS OUTROS

" Contar as vidas humanas, comparar o peso de uma lágrima com o peso de uma gota de sangue, era uma tarefa impossível, mas ele já não tinha que fazer contas, e toda a moeda era boa, mesmo essa: o sangue dos outros. O preço nunca seria caro de mais."
Com a Segunda Guerra Mundial como pano de fundo, O Sangue dos Outros narra-nos a história de amor entre Hélène e Jean. No entanto, a frase de Dostoievski que inuagura o romance, "Todos somos responsáveis por tudo perante todos", já nos anuncia aquele que será o eixo temático da narração: a responsabilidade do indivíduo na sociedade em que vive, as implicações do compromisso ideológico, o preço a pagar pela liberdade, o papel dos líderes políticos... Todas estas linhas temáticas têm como pano de fundo as questões filosóficas colocadas pelo movimento existencialista, do qual Simone de Beauvoir, com Jean-Paul Sartre e Albert Camus, foi uma das impulsionadoras. Embora este romance, assim como outros da autora, suporte uma carg…

PAUL WATZLAWICK - A REALIDADE É REAL?

HOW REAL IS REAL?

A confusão que existe entre comunicação e realidade é relativamente nova. As diferentes visões do mundo que resultam da comunicação, apenas se tornaram uma área independente de investigação em décadas recentes. Um dos autores que nela tem trabalhado é Paul Watzlawick que neste livro apresenta, numa série de exemplos desconcertantes, algumas das suas descobertas.

relógio d'agua 

Ligações :
https://pt.wikipedia.org/wiki/Paul_Watzlawick
http://www.wanterfall.com/Communication-Watzlawick's-Axioms.htm

FRANZ KAFKA - CONTOS

FRANZ KAFKA - CONTOS

Prólogo e selecção de Jorge Luis Borges
Contos - O abutre - Um artista da fome - Primeira mágoa - Um cruzamento - O escudo da cidade - Prometeu - Um incidente trivial - Chacais e árabes - Onze filhos - Relação para uma Academia - A construção da muralha da China

Do Prólogo de Jorge Luis Borges
« A elaboração, em Kafka, é menos admirável que a invocação. Homens, há apenas um na sua obra: o homo domesticus - bem judeu e bem alemão -, sequioso de um lugar, mesmo que o mais humilde, numa qualquer Ordem; num universo, num ministério, num asilo de loucos, na prisão. O argumento e o ambiente são o essencial; não as evoluções da fábula nem a penetração psicológica. Daí a primazia dos seus contos sobre os seus romances; daí o direito a afirmar que esta antologia de contos nos dá integralmente a medida de tão singular escritor.»     

relógio d'água editores - dezembro de 2005

ROGER SCRUTON - GUIA DE FILOSOFIA PARA PESSOAS INTELIGENTES

ROGER SCRUTON - GUIA DE FILOSOFIA PARA PESSOAS INTELIGENTES
AN INTELLIGENT PERSONS'S GUIDE TO PHILOSOPHY

Esta é uma visão muito pessoal da filosofia. Nela, o autor centra-se nas ideias e argumentos que mais o atraíram nesta disciplina. E assim procura demonstrar porque é que a filosofia é tão relevante, não só para as grandes questões intelectuais, mas principalmente para a vida quotidiana no mundo moderno.
Apesar de não omitir as ideias de grandes filósofos, particularmente Kant e Wittgenstein, grandes influências no seu pensamento, o autor não fornece um guia clássico dos argumentos deles. O objectivo deste livro é funcionar como um guia para o leitor - inteligente - que esteja preparado para embarcar numa fascinante aventura pelas principais questões filosóficas : a Verdade, o Tempo, Deus ou o Sexo.   


guerra e paz, editores - 2007.

Mais sobre Roger Scruton:

- O que é ser conservador?
https://www.youtube.com/watch?v=JKKihy3q2os

- O pensamento de Roger Scruton, por João Pereira Coutinh…