Avançar para o conteúdo principal

FERNANDO TRÍAS DE BES - O HOMEM QUE TROCOU A CASA POR UMA TULIPA

O mundo viveu no ano de 2008 um crash financeiro só comparável pela sua magnitude e alcance ao de 1929. Desde então já muitas vozes argumentaram que o mesmo era impossível de prever, mas seria mesmo? Nesta obra clara e rigorosa, Fernando Trás de Bes analisa algumas das bolhas especulativas mais irracionais da história da economia e expõe os dados comuns a todas procurando definir os sintomas que prenunciam os momentos de crise. Desde a bolha provocada pelas tulipas na Holanda no século XVII. passando pelo crash da bolsa nova-iorquina de 1929 até à actualidade, na primeira parte somos levados a conhecer diversos exemplos históricos deste fenómeno. Na segunda parte o autor centra-se naquilo que origina as bolhas - os indivíduos -, explicando as razões por que até a pessoa mais prudente se pode transformar num néscio que confunde valor e preço e se deixa assim cair na rede especulativa. Vencedor do mais importante prémio em língua espanhola para não ficção, este é um livro bem fundamentado e essencial para compreender os mecanismos através dos quais a irracionalidade financeira contagia a economia real.  

editorial presença - 1ª edição, janeiro 2010.
   

Comentários

Popular semana

NASSIM NICHOLAS TALEB - O CISNE NEGRO

CHARLES FORT - O LIVRO DOS DANADOS

BRYAN WARD-PERKINS - A QUEDA DE ROMA E O FIM DA CIVILIZAÇÃO

ULRICH BECK - A METAMORFOSE DO MUNDO

CHARLES BUKOWSKI - MULHERES

Popular mês

NASSIM NICHOLAS TALEB - O CISNE NEGRO

BRYAN WARD-PERKINS - A QUEDA DE ROMA E O FIM DA CIVILIZAÇÃO

MATTHEW PEARL - O CLUBE DE DANTE

ARNOLD HAUSER - HISTÓRIA SOCIAL DA ARTE E DA LITERATURA

MO HAYDER - A ILHA DOS PORCOS

SIMONE DE BEAUVOIR - O SANGUE DOS OUTROS

PAUL WATZLAWICK - A REALIDADE É REAL?

GONÇALO M. TAVARES - UMA VIAGEM À ÍNDIA

YUVAL NOAH HARARI - HOMO DEUS

JEAN PAUL SARTRE - COM A MORTE NA ALMA

popular sempre

THOMAS PYNCHON - ARCO-ÍRIS DA GRAVIDADE

A ERA DOS EXTREMOS - ERIC HOBSBAWM

HENRY MILLER - TRÓPICO DE CÂNCER

ROBERTO BOLAÑO - 2666

MARGUERITE DURAS - OLHOS AZUIS, CABELO PRETO

THÉOPHILE GAUTIER - O ROMANCE DA MÚMIA

ARUNDHATI ROY - O DEUS DAS PEQUENAS COISAS

DIETRICH SCHWANITZ - CULTURA tudo o que é preciso saber

NICK COHEN - O QUE RESTA DA ESQUERDA?

ARNOLD HAUSER - HISTÓRIA SOCIAL DA ARTE E DA LITERATURA